Avisos
de candidaturas

  • 1. Avisos de Candidaturas Abertas
  • 2. Avisos de Candidaturas Encerradas
Expandir todos | Recolher todos
  • 1. Medida 10.2.1.4. - Cadeias curtas e mercados locais [Novas alterações!!!]
     

     

    Aviso de concurso aberto até 12-06-2020

    Dotação: 50.000€

     

    Informações gerais

    Atenção à portaria 338/2019 de 30 de setembro, que trouxe algumas alterações aos beneficiários elegíveis, embora se mantenha a obrigatoriedade de serem titulares de exploração agrícola.

     

    Foram ainda alteradas as tipologias:

    1. O apoio «Cadeias curtas e mercados locais», no que respeita à componente «cadeias curtas», compreende, para além das ações previstas no n.º 1 do artigo 31.º da Portaria n.º 152/2016, de 25 de maio, na sua redação atual, as seguintes:

     

      1. Deslocações dos produtores aos mercados locais, entregas em pontos específicos e aquisições de serviços associadas;
      2. Adaptação e apetrechamento de infraestruturas existentes, para pontos específicos, no âmbito de cadeias curtas.

     

    1. Para os efeitos do disposto no número anterior, entendem-se por pontos específicos os pontos destinados à concentração da entrega de produtos locais agrícolas e agroalimentares, sob a gestão de uma entidade diversa do consumidor final e que comprova a entrega, localizados nos concelhos da área geográfica correspondente aos territórios de intervenção do GAL, ou ainda, no caso de estruturas móveis, na área dos concelhos limítrofes e dos concelhos que integram a mesma comunidade intermunicipal.

     

    Objetivo

    Promover o contacto direto entre produtores e consumidores, contribuindo para o escoamento da produção local, a preservação de produtos locais, incentivar práticas culturais menos intensivas e ambientalmente sustentáveis.

    Dimensão dos Projetos

    Entre 5.000,00€ e 50.000,00€ - cadeias curtas | entre 5.000,00€ e 100.000,00€ - mercados locais

    Apoio

    50% de subsídio não reembolsável (fundo perdido) para investimento material elegível e 80% de subsídio não reembolsável (fundo perdido) para investimento imaterial elegível.

    Beneficiários

    GAL, Associações cujo objeto social seja o desenvolvimento local, Associações constituídas por produtores agrícolas, Parcerias constituídas por pessoas singulares ou coletivas, Autarquias locais (apenas na tipologia de mercados locais).

    Território de elegibilidade

    [ ver mapa ]

    Despesas Elegíveis

    - Investimento material: aquisição de equipamentos não produtivos, aquisição de viatura, produção de embalagens e rótulos, equipamento informático, construção ou obras de adaptação ou modernização de edifícios.- Investimento imaterial: estudos e projetos, consultoria para apoio técnico aos agricultores, conceção de embalagens, rótulos e logótipos, planos de comercialização, ações e materiais de promoção, software standard, desenvolvimento de plataformas eletrónicas de comercialização e websites, deslocação de promotores aos mercados municipais.

    Avisos abertos

    [ ver avisos abertos ]

    Documentos de Apoio

     

    plano de intervenção – cadeias curtas

    anúncio cadeias curtas

    orientação técnica específica

    orientação técnica específica atualização

     

    Esta informação foi útil? Sim / Não
    Vista 473 vezes

Terras de
Santa Maria

A ADRITEM atua no território de intervenção de Terras de Santa Maria.
Nas Terras de Santa Maria existe uma grande diversidade de realidades, urbanas e rurais. Um território vivo em tradições, biodiversidade e património histórico e cultural.
A ADRITEM apoia a valorização dos recursos endógenos regionais, o artesanato, a economia verde e o desenvolvimento de novos projetos empresariais.
territorio-de-intervencao-inicio

Agenda

Território de elegibilidade DLBC Rural

Território de elegibilidade DLBC Rural

Território de elegibilidade DLBC Rural

Território de elegibilidade DLBC Rural

Mapa concelhos Valongo, Gondomar, Santa Maria da Feira e Oliveira de Azeméis

Mapa Medida 10.2.1.6 - Renovação de aldeias